jan

07
19477569754_cdc6f854e4_z

O VETOR NORTE NÃO PARA DE CRESCER. E VOCÊ?

O Vetor Norte de Belo Horizonte é atualmente o território de maior desenvolvimento do entorno da capital. Uma imagem disso é a pesquisa realizada em 2010 pelo escritório Jurong Consultants, de Cingapura, a qual estimou que a região proporcionaria 400 mil novos empregos nos 20 anos seguintes. Na época, a empresa ainda previu que o Vetor Norte geraria, em 2030, um PIB comparável ao de todo o estado de Minas Gerais de então.

Reunindo o Aeroporto Internacional e a Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, a região é reflexo de uma “máxima incontestável: para onde se desloca o poder público, com ele segue o progresso”, segundo aponta a Associação dos Desenvolvedores do Setor Norte (AV Norte) sobre o conceito de Aerotrópole em Minas Gerais. O termo é uma tendência mundial de desenvolvimento econômico baseado na noção de que o aeroporto “é o Centro da cidade”, como afirma John Kasarda, diretor do Center for Air Commerce da Kenan-Flagler Business School, Universidade de Carolina do Norte –, e desenvolvedor do conceito.

Segundo a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG), por ser responsável por quase 17% das exportações nacionais e 30% das regionais, Minas Gerais possui o terceiro maior Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, concentrando 10% do total nacional. “A heterogeneidade dos seus 853 municípios é propícia para o desenvolvimento do estado. A economia mineira é bastante desenvolvida, contando com um parque industrial diversificado, um setor de serviços em constante desenvolvimento e uma agropecuária moderna”, afirma o órgão.

E nesta diversificação, Minas segue tendência nacional: o setor de serviços responde pela maior parte do valor adicionado à economia estadual (cerca de 62%). De acordo com a Fecomércio, o setor comercial mineiro também apresentou desenvolvimento sustentável nos últimos períodos. Pode-se perceber, assim, um avanço das micro e pequenas empresas, que enxergaram as oportunidades e conquistaram espaço no mercado.

“A existência de uma significativa disponibilidade de espaços torna a região, ao contrário de outras áreas de BH, extremamente competitiva quanto aos preços de instalação”, assegura a AV Norte. Seguindo este viés e enxergando as mudanças a vir, Lagoa Santa se tornou, em parceria com o Ministério da Defesa, centro de um grande polo aeronáutico que tem sido desenvolvido há mais de 5 anos.

O Complexo Aeronáutico de Minas Gerais atua em sete polos: Itajubá, Diamantina, Tupaciguara, Goianá, Confins, Uberaba e por fim o de Lagoa Santa – de formação de mão de obra especializada. Lagoa Santa, portanto, atua no sentido de estimular a qualificação de mão-de-obra para atuar na área da aviação. O estímulo à instalação de empresas no entorno do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, também será fundamental para transformá-lo no primeiro aeroporto indústria do país (a região já é a primeira aerotrópole da América Latina).

Credenciado pela Receita Federal em 2005, o objetivo do projeto, realizado em parceria com o Governo Federal, é atrair a instalação de empresas através da isenção de impostos federais e estaduais, tanto para a importação de componentes como para a exportação de produtos acabados de alto valor agregado. Desta forma, visa tornar as empresas mineiras mais competitivas no mercado internacional.

Conhecer para entender

É no conjunto da obra este novo contexto sócio-ecônomico que a Virgulinas apresenta expertise no trato de empresas locais. O restaurante de comida japonesa Kiboo Sushi, hoje referência na região metropolitana de Belo Horizonte, passou por seu maior impulso nas mãos da empresa de comunicação que mais conhece a área.

Para tanto, a Virgulinas investe intensamente nas redes sociais, seu Facebook, Twitter e Instagram, e finalizou no final de 2015 o mais novo site do restaurante, ao qual você tem acesso aqui. Uma das mais proeminentes campanhas realizadas para o Kiboo, um conjunto de outdoors e layouts publicitários para revistas, você acessa em nosso portfólio, neste link.

Outro importante case da agência é a mais nova rádio local: a Rádio 93Fm é cliente da Virgulinas desde sua concepção. Nossa equipe de criação trabalhou arduamente desde a idealização da logo, traçando estratégias de lançamento e divulgação em conjunto com o cliente e construindo a marca de forma a adequá-la às necessidades e desejos de seu público alvo: o Vetor Norte de Belo Horizonte. Feita por quem conhece da região, a rádio produzirá conteúdo voltado para os moradores locais e será a principal mídia dos arredores de Confins.

Está procurando maneiras de crescer o seu negócio na região? Entre em contato com a gente. Temos as melhores soluções em comunicação para apresentar a você.

Imagem de Ana Paula Hirama/Flickr Photos